Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Apenas os agentes comunitários serão contratados

O Projeto de Lei nº 91/2006, que autoriza a prefeitura a abrir teste seletivo para contratação de profissionais para atuar na área de saúde foi aprovado em segunda discussão e votação na sessão de ontem (11), da Câmara Municipal de Pato Branco. Inicialmente a matéria tratava da contratação de médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, agentes comunitários de saúde e técnicos em higiene dental, para compor equipes do Programa Saúde da Família (PSF).Porém, durante a primeira votação do projeto, realizada no último dia 28, a vereadora Márcia Kozelinski (PPS) relatou que em reunião recente, o secretário Municipal de Saúde, Flávio Ceni, teria declarado que apenas os agentes comunitários seriam contratados. A questão levantada pela vereadora causou polêmica no plenário, que decidiu condicionar a segunda votação da matéria, a uma reunião com o secretário para discutir as contratações.Essa reunião aconteceu no último dia 6, quando Ceni confirmou a situação levantada por Márcia. Dessa forma, os vereadores apresentaram para a votação de ontem uma emenda, autorizando apenas a contratação por teste seletivo dos agentes comunitários de saúde. “O executivo pretende contratar os demais profissionais no próximo ano, através de concurso público”, disse. A vereadora ainda ressaltou que o governo federal transformou o PSF em estratégia de saúde pública, e com isso, serão repassados recursos para manter as equipes.O vereador Cilmar Pastorello (PL) afirmou que a realização de concurso público para contratação dos demais profissionais irá atrair mais candidatos. “Essa forma de contratação tem mais estabilidade”. O líder do PT na câmara, vereador Volmir Sabbi, acrescentou que o treinamento dado a um profissional em concurso público não é perdido, o que acontece com os funcionários contratados por teste seletivo, onde a cada troca é preciso dar novo treinamento. “Além disso, o custo para realização do teste e do concurso são parecidos”, finalizou.