Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Biruba se reúne com coordenadora e conhece detalhes da Rede Estadual de Direitos Animais

O vereador Claudemir Zanco, Biruba (PROS), visitou na última sexta-feira, dia 4, em Curitiba, a coordenadora da Rede Estadual de Direitos Animais (Reda), Rosa Gnipper, o bjetivo foi  tomar ciência do funcionamento da rede, do decreto de criação da entidade. Biruba também buscou informações sobre a não inclusão de Pato Branco como sede da rede.Segundo a coordenadora, um dos critérios foi em municípios sedes de núcleos da Secretaria   Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, critério que comtemplou o município de Francisco Beltrão, pois conta com um núcleo regional do órgão. A Rede contará com 12 células regionais.Rosana colocou à disposição a entidade estadual para ampliar os direitos dos animais no âmbito do município.  Ela ressaltou, no entanto, que antecede a implantação das redes, ciclo de  conferências regionais.O vereador disse que está preparando um projeto de lei que institui o controle ético da população de cães e gatos. Consta do projeto, a identificação e registro dos animais, esterilização, adoção, controle de criadouros e campanhas educativas em guarda responsável. A novidade do projeto, conforme o vereador,  é que caberá  aos proprietários de criadouros a identificação  e registro dos animais que estejam sob a sua responsabilidade. **Detalhes**O decreto assinado pelo governador prevê a participação da sociedade na elaboração da política de defesa dos animais por meio da criação do Conselho Estadual de Direitos Animais (CEDA) – órgão colegiado, de caráter permanente, deliberativo e fiscalizador da Política Estadual de Direitos Animais no Paraná.  A estrutura, organização e funcionamento do conselho serão estabelecidos em Regimento Interno.O conselho será formado por representantes das secretarias da Agricultura; Ciência, Tecnologia e Ensino Superior; Comunicação Social; Cultura; Desenvolvimento Urbano; Educação; Meio Ambiente e Recursos Hídricos; Planejamento; Saúde; Segurança Pública; Instituto Ambiental do Paraná, IBAMA, Associação dos Municípios e dos conselhos regionais de Medicina Veterinária e de Biologia, além das instituições de ensino superior que possuam curso de Medicina Veterinária, Zootecnia ou Biologia; representantes do terceiro setor e representante de cada um dos conselhos das células regionais.Também será criado o Fórum de Direitos Animais do Paraná, órgão colegiado, de caráter permanente e consultivo da Política Estadual de Direitos Animais. O Fórum será constituído por pessoas, grupos ou instituições representantes do terceiro setor, comprometidos com os Direitos Animais no Paraná.