Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Braun fala com orgulho da lei de combate ao fumo aprovada pelo Legislativo

O vereador Osmar Braun Sobrinho (PR) falou na sessão de segunda-feira, da Câmara Municipal de Pato Branco, sobre o Projeto de Lei nº 150/2009, de sua autoria, que proíbe o fumo em ambientes fechados e de uso coletivo. O projeto foi sancionado pelo Executivo e está em vigor há mais de dois anos. A manifestação do vereador foi para lembrar o Dia Mundial de Combate Fumo, 29 de agosto. Braun recordou que na época, quando o projeto começou a tramitar, ele foi durante criticado por alguns empresários, de lanchonetes, de restaurantes e de casas noturnas. “Hoje muitos agradecem, pois o movimento aumentou. Na época não acreditavam nessa nova realidade”, ressaltou o vereador, acrescentando que os ambientes melhoraram. “Eu digo com orgulhoso, apesar das frustrações com a política, o projeto gerou muita alegria”, afirmou Braun. Os proprietários que permitirem o consumo de cigarros dentro de seus estabelecimentos, descumprindo os preceitos dessa lei, serão sujeitados a multa equivalente a 20 UFM’s (Unidade Fiscal do Município), aplicada em dobro em caso de reincidência.**Saúde:** Os pneumologistas afirmam que os males do fumo passivo causam severos prejuízos à saúde. A fumaça do cigarro libera a adrenalina e o cortisol, hormônios causadores do estresse ao fumante passivo, aquele que aspira o ar poluído pelo cigarro. Depois de passar pelo filtro do cigarro, a fumaça, pode poluir o ar, em média, com três vezes mais nicotina, três vezes mais monóxido de carbono, e até 50 vezes mais substâncias cancerígenas do que a fumaça inalada pelo próprio fumante. E os chamados fumantes passivos são os que mais sofrem, podendo adquirir asma, otite, alergias, sinusite, faringite, bronquite e dor de cabeça, entre outras doenças como as arteriais, as cardíacas, o câncer de pulmão e de garganta.