Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Demora prejudica fábrica de chocolates

Na sessão ordinária de ontem (18), da Câmara Municipal de Pato Branco, foi lido em plenário um ofício onde o empresário Gilberto Frizzon, fabricante dos chocolates marca Nuit, pede urgência na tramitação de projeto de lei para doação de terreno para construção e instalação de sua indústria. No ofício, Frizzon pede presteza na votação da matéria, pois terá que construir, instalar equipamentos, contratar e treinar funcionários a tempo de produzir para a Páscoa, período de maior venda no segmento.O vereador Guilherme Silverio (PMDB) afirmou que tal projeto ainda não foi enviado a Casa de Leis. “Estou acompanhando a luta deste empresário para conseguir um terreno para construir a fábrica, inclusive apresentando uma indicação aprovada por todos os vereadores. Como ele escreveu no ofício, existe uma preocupação com o tempo, pois é preciso construir o barracão, fazer as instalações, contratar e treinar funcionários”, disse Silverio, ressaltando que a câmara fará o possível para que a matéria, assim que chegar a casa, tramite rapidamente. “Nós vereadores temos interesse em apoiar indústrias que podem gerar empregos”, finalizou.Frizzon pretende criar de início dez empregos. “Espero que a situação seja resolvida dentro de 15 dias, para que eu possa ter tempo de produzir para a Páscoa. Encaminhei o ofício pensando que o projeto havia chegado”, relatou.HistóricoNo ano passado, Silverio enviou ao executivo uma indicação para que a prefeitura estudasse a permuta de terrenos para a construção da fábrica. Em reunião realizada no dia de julho na prefeitura, Silverio o empresário Juarez Todeschini, apresentaram ao secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Júlio Lattmann, uma proposta para viabilizar um terreno para a fábrica.Todeschini é proprietário de um terreno com boa visibilidade na avenida Tupy, zona sul da cidade, onde funcionava o britador Redivo, que atualmente está abandonado. Ele está disposto a negociar seu IPTU com a prefeitura em troca deste terreno. Posteriormente a prefeitura doaria o espaço para Frizzon instalar sua fábrica.Durante a reunião, Lattmann declarou que conversaria com o prefeito Roberto Viganó (PDT) e resolver a questão o mais rápido possível.