Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Executivo sanciona projetos de autoria dos vereadores Braun e Tasca

O Prefeito Roberto Viganó (PDT) sancionou na última sexta-feira (05), os projetos de lei de autoria dos vereadores Valmir Tasca (DEM), Osmar Braun Sobrinho (PR). O primeiro projeto sancionado, de autoria do próprio Poder Executivo, doa imóvel a Associação dos Deficientes Físicos de Pato Branco (ADFPB), de 592 m², avaliado em R$ 41.496,00. A Associação dos Deficientes Físicos de Pato Branco foi fundada em 2006 e tem aproximadamente 140 associados. O presidente da ADFPB, Siegfried Graeff (Zigue), estava presente acompanhado de associados e do vereador Vilmar Maccari (PDT). O presidente da associação antecipou que a construção da sede inicia no mês que abril, inclusive, o projeto já está pronto. Além disso, comentou Ziggue, o prefeito anunciou que ajudará na obra, com a doação de material. “É um deficiente conseguido o seu espaço”, afirmou o presidente, ao lembrar o empenho do vereado Vilmar Maccari (PDT) no processo que culminou com a doação do terreno.Em seguida, o prefeito sancionou o projeto de lei dos vereadores Osmar Braun Sobrinho (PR) e Valmir Tasca (DEM). O projeto destina de 10% dos recursos arrecadados com a aplicação de multas em ações pedagógicas, programas direcionados à educação no trânsito.Segundo o vereador Braun, atualmente, o município sustenta uma colocação nada animadora no ranking estadual. A estatística revela que Pato Branco registra índice elevado de acidentes de trânsito. “A lei é uma ferramenta para que possamos diminuir esse índice”, disse o vereador. O segundo projeto de lei sancionado pelo Executivo, declarou de Utilidade Pública Municipal a Associação de Secretárias em Consultórios Médicos, Odontológicos e Clínicas de Atendimento à Saúde do Sudoeste do Paraná (ASAS), de autoria do vereador Valmir Tasca (DEM). A entidade existe há mais de sete anos e desenvolve ações de inclusão social, campanhas, segundo a representante da associação Margarete Milani. A declaração de utilidade pública tem uma importância muito grande para todos, ressaltou Margarete, prevendo que a, legislação vai melhorar muito a associação.O autor do projeto recordou que há dois anos, ele foi procurado pela presidente da associação, quando conheceu o trabalho que é realizado pela entidade. Tasca enalteceu as ações que são desenvolvidas, por exemplo, arrecadação de alimentos e roupas. Todos os donativos são doados para as famílias carentes do município.