Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Legislativo de Pato Branco participa de encontro regional em Cascavel

O vereador Claudemir Zanco, Biruba (PROS), participou na quinta-feira, dia 21, em Cascavel, do encontro regional que debateu com vereadores de todo estado, alterações nas leis municipais que normatizam a instalação de antenas de telefonia móvel. O encontro reuniu também dirigentes das principais operadoras.Segundo Biruba, a nova legislação é resultado do relatório final da CPI, aprovado pelos deputados em 26 de agosto, como alternativa para facilitar e agilizar a instalação de novas Estações Rádio-Base (ERBs) nos municípios e melhorar a qualidade de sinal.A falta de qualidade no sinal da telefonia móvel foi um dos principais problemas apontados pelos usuários do sistema durante a realização da CPI da Telefonia Móvel. Dos 15 mil consumidores que registraram queixas, mais de 70% classificaram o sinal como péssimo ou ruim.Com Pacto das Antenas, conforme o vereador, pretende-se criar uma legislação única para  ampliação de redes e, com isso, disponibilizar sinal de qualidade, pois a principal reclamação dos usuários da telefonia móvel é o acesso ao sinal.De outros lado,  a partir da assinatura  Termo de Ajuste de Conduta (TAC), as empresas estão proibidas de comercializar o serviço  em locais onde o sinal é ruim. Pela lei, as operadoras estão desobrigadas de levar o serviço  ao interior dos  municípios.Em Pato Branco, explicou o vereador, as empresas deverão realizar um estudo, levantamento de campo, com o objetivo de melhorar o serviço, porém, é de conhecimento de todos que existem problemas, por exemplo, citou Biruba, nos bairros São João e Alvorada. “Se houver a necessidade de alterar o Plano Diretor para possibilitar a instalação de novas antenas, o procedimento será feito”, salientou. A falta de qualidade no sinal da telefonia móvel foi um dos principais problemas apontados pelos usuários do sistema durante a realização da CPI da Telefonia Móvel. Dos 15 mil consumidores que registraram queixas, mais de 70% classificaram o sinal como péssimo ou ruim.