Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Líder do PR diz que serviço deve continuar sem custo para a comunidade pato-branquense

A Câmara Municipal aprovou na sessão de segunda-feira (8), oito matérias, três em última discussão e votação e cinco matérias em primeira discussão e votação. Os projetos que autorizam o Executivo a conceder subvenções sociais ao Lar dos Idosos São Vicente de Paulo e Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Pato Branco (Apae) foram aprovados em última votação.Outros quatro projetos aprovados também destinam recursos a Fundação Pato-branquense do Bem-Estar Social (Fundabem) no valor de R$ 90 mil, Associação Missão Vida Nova é contemplada com R$ 53 mil, Associação dos Portadores de Deficiência da Escola Rocha Pombo com R$ 23 mil e Centro de Recuperação de Toxicômanos e Alcoólatras de Pato Branco- S.O S Vida receberá R$50 mil. Aprovada em votação única, a moção de aplauso a ser concedida a Cooperativa Sicredi Parque das Araucárias pela classificação entre as finalistas do Prêmio Andef, tema “Saúde Cooperativa- Informando e Prevenindo”.“Pato Branco tem uma boa arrecadação e pode continuar prestado o serviço”, afirmou o líder do PR, vereador Enio Ruaro, ao comentar a respeito da legislação que proíbe o Município de recolher entulhos, quando não é pago pelo contribuinte. Pela lei, o contribuinte deve pagar pela prestação do serviço. Ele citou, por exemplo, que o índice da doença, da dengue em Pato Branco é muito reduzido e, por conta, da consciência da comunidade, quando é chamada a participar de mutirões de limpeza sempre está atenta e participativa.