Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Lideranças se reúnem Curitiba para revitalizar o processo de atendimento via SAS

Os vereadores Valmir Tasca (DEM) e Claudemir Zanco (PPS) representaram o Legislativo durante a reunião que discutiu na Secretaria de Estado da Administração e da Previdência (Seap), o Sistema de Assistência à Saúde (SAS). O Instituto de Saúde São Lucas de Pato Branco (Issal) formalizou a proposta de atendimento aos usuários do SAS da região de Pato Branco. O documento foi entregue ao superintendente do Departamento de Assistência à Saúde (Seap), da Secretaria de Administração e Previdência, Eduardo Nischiatti.Para realizar os procedimentos, a proposta sugeriu o valor “per capita” de R$ 22,50,mas, a secretária da Administração e da Previdência, Maria Marta Renner Weber Lunardon, descartou esse valor, tendo em vista que as licitações já realizadas no Estado, o valor não ultrapassou a R$ 19,00.O presidente do Issal, Mauro Mattia, explicou que a contraposta será analisada, mas,antecipou que pelo prazo de 180 dias, o instituto vai formalizar o contrato emergencial com o Sistema de Assistência à Saúde (SAS). Para o presidente do Issal, o importante nesse processo é a presença do Comitê Gestor integrado por representantes dos servidores que terá também a responsabilidade de administrar os recursos. Nos próximos dias, segundo ele, será formalizada a proposta de atendimento à direção do SAS em Curitiba. A proposta vai ser submetida a analise da assessoria jurídica e, posteriormente, o contrato emergencial será assinado.Participaram ainda da reunião de Curitiba, o chefe da regional de Saúde, Valmir Dallcosta, deputado Augustinho Zucchi (PDT) deputada Luciana Rafain (PT), Valmir Tasca, vereador e presidente da Associação dos Militares do Sudoeste do Paraná, representantes dos servidores, entre eles, o presidente da APP Sindicato de Pato Branco, Augusto Schneider.