Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

No Legislativo, professor defende plebiscito popular para uma Constituinte Exclusiva

Os vereadores aprovaram, na sessão plenária de quarta-feira (11), na Câmara Municipal, nove projetos de lei, de autoria do Poder Executivo. Oito projetos autorizam a administração municipal abrir ou suplementar crédito. Já o Projeto de Lei 110/2014, autoriza o Executivo a conceder subvenção social a Associação Vida Nova. Na sessão, o líder do PC do B, Raffael Cantu, usou o espaço do grande expediente para falar sobre a Copa do Mundo. Cantu apresentou dados referentes a investimentos, bem como defendeu as aplicações financeiras realizadas pelo governo da presidente Dilma. A convite do vereador Cantu participou da sessão, o professor Eurides Rossetto, quando esclareceu aos vereadores e a comunidade os objetivos do movimento “Plebiscito Popular para uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político” em Pato Branco. Rossetto explicou que a votação do Plebiscito Constituinte acontece na Semana da Pátria, 1 a 7 de setembro. A cidade tem um comitê que promove reuniões periódicas na sede do Sindicado dos Comerciários. O país exige uma reforma politica, mas, segundo ele, os atuais representantes do povo { deputados e senadores} não têm interesse em mudanças. Para Rossetto, o plebiscito é o primeiro passo no sentido de reivindicar { exigir) junto ao Congresso a convocação do processo exclusivo. Os membros da Constituinte serão eleitos pelo eleitor, os quais terão a responsabilidade de fazer uma nova Constituição Brasileira. “Todos os segmentos sociais devem estar representados”, acrescenta Rossetto.A Tribuna Livre foi utilizada pelo estudante Fernando Balbinotti, que criticou o aumento da tarifa do transporte coletivo programado para vigorar a partir deste mês. O novo valor é R$ 2,60.