Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Ubiracy José Tesserolli

Plano de Carreira, Cargos e Salários do Magistério (PCCS) reúne APP-Sindicato e o Executivo

A APP-Sindicato de Pato Branco, que representa os professores da rede municipal  de ensino, discutiu com o prefeito Augustinho Zucchi (PDT), o novo Plano de Carreira, Cargos e Salários do Magistério (PCCS). A reunião aconteceu na ultima segunda-feira (26).  Segundo o vereador e professor Moacir Gregolin (MDB), o plano está em uma fase bem avançada e  final.

Atualmente está sob análise à tabela de vencimentos, fase que  apresenta divergências. Por isso, será formada uma comissão composta por representantes dos professores e da área financeira do Executivo.  O estudo é para evitar um impacto financeiro na folha de pagamento, mas sem que prejudique os professores que estão na atual folha, explica o professor Moacir, porém, a principal preocupação, divergência é com a integração dos profissionais da educação infantil, processo que vai gerar um impacto um pouco maior.

Com o plano vigente, os profissionais tem um avanço na horizontal de 78% em 12 anos. A proposta da APP-Sindicato  é de 72% em um período de 23 anos. A indicação é de 44% na horizontal em 25 anos.  Assim, não prejudicará o atual e futuro PCCS, e os professores ingressantes terão os mesmos benefícios que têm os profissionais em final de carreira atualmente.

No último dia 27, professor Moacir esteve na APP-Sindicato de Curitiba, na Secretaria dos Municípios, quando fez a entrega da proposta para análise do projeto, que está em discussão em Pato Branco.

Quanto ao reajuste do piso nacional dos professores definido através de portaria do Ministério da Educação de 6,81%. Com isso, o valor mínimo que professores devem receber pela jornada de 40 horas semanais passou de  R$ 2.298,80 para R$ 2.455,35