Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Presidente do Legislativo critica morosidade no Depatran

Na sessão de quarta-feira (20), na Câmara Municipal, os vereadores debateram e votaram uma pauta com seis projetos de lei. Em votação final, os projetos que autorizam o Executivo abrir crédito especial no valor superior a R$ 3 milhões. O valor é destinado à folha de pagamento de secretarias e para aquisição de material de consumo.Em primeira discussão e votação, os vereadores aprovaram o projeto que denomina via pública de Marilene Jareski Gomes da Silva, o projeto que declara de utilidade pública a Associação de Pais e Mestres de Escolas Municipais e a moção de aplauso a ser concedida a Sonia Aparecida Mitrut, pelos relevantes serviços prestados à comunidade pato-branquense no exercício da função de Resgate Social, vinculado a Secretaria Municipal de Assistência Social.***Trânsito***O presidente do Legislativo, Enio Ruaro (PR), disse que estava indignado, pois é necessário ocorrer um acidente fatal para que o Deptran determine instalação, colocação de redutores de velocidade em vias públicas. O vereador foi mais longe e acrescentou “será que o Deptran não tem competência para organizar o trânsito”, a colocação de redutores não é para a cidade inteira, mas em pontos estratégicos, onde o índice de acidentes é maior. Enio citou diversas ruas que exigem à colocação de redutores, por exemplo, na Visconde de Tamandaré e Xingu. Depois de fazer sérias críticas ao Depatran, o vereador concluiu dizendo “ é preciso respeitar o Legislativo, é ele que conversa com as pessoas, sabe das necessidades do cidadão”.