Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Projeto que proíbe radar móvel é submetido à última discussão

O Plenário do Legislativo aprovou, na segunda-feira (26), o projeto de lei, de autoria dos vereadores Marco Pozza (PSD) e Rodrigo Correia (PSC). O projeto proíbe a instalação e o uso de radares móveis para fiscalização de velocidade no perímetro urbano do Município. Votaram contra o projeto, os vereadores Claudemir Zanco, Biruba, e Vilmar Maccari, ambos da Bancada do PDT.O projeto foi analisado pelas comissões de Justiça e Redação, Políticas Públicas e de Orçamento e Finanças, que emitiram parecer favorável. Nesta quarta-feira (28), o projeto será submetido à votação final. ***Resumo das proposições aprovadas pelos vereadores***O vereador Carlinho Polazzo (Pros) requereu que o Depatran (Departamento Municipal de Trânsito) informe a respeito dos cursos de capacitação e demais treinamentos realizados nos últimos dois anos visando a qualificação dos agentes de trânsito, tanto referente a questões técnicas quanto ao atendimento. Fabricio Preis de Mello (PSD) reiterou pedidos anteriores para que o trecho sem pavimentação da rua Romano Radaelli, bairro Cristo Rei, venha a ser incluído no “Programa Asfalto 100”. Os moradores requerem a execução da obra do asfalto, visto que no local existe um pequeno trecho de aproximadamente 35 metros sem pavimentação, com meio-fio em desacordo e formação de muita lama em dias de chuvas, causando transtornos para os moradores que utilizam da via.Gilson Feitosa (PT) requereu seja oficiado a 7ª Regional de Saúde – Vigilância Sanitária- solicitando esclarecimentos quanto a forma de fiscalização dos ferros-velhos e depósitos de pneus, além de exaurir parecer à respeito do estado que se encontram esses estabelecimentos em Pato Branco. O pedido justifica-se, pois, foi apresentado a esta Casa de Leis, projeto que pretende obrigar os proprietários dos ferros-velhos e de depósitos de pneus, a instalar cobertura para evitar o acúmulo da água da chuva e possível contaminação por mosquitos da Dengue. Considerando que o órgão é responsável por realizar as vistorias nesses locais, solicitamos parecer técnico. Joecir Bernardi (SD) e Fabricio Preis de Melo (PSD) requerem que seja oficiado ao Executivo Municipal, urgência nos serviços de recuperação do calçamento, na rua Altamira, bairro Bonatto, ainda, a inclusão no Programa Asfalto 100%, da referida rua. Marco Pozza (PSD) requereu seja oficiado a Secretaria de Administração e Finanças, encaminhando cópia da reclamação recebida, pertinente ao Parque Municipal Córrego das Pedras no Bairro Jardim Primavera e tomadas as devidas providencias afim de melhorar as condições do mesmo, juntamente com as demais Secretarias Municipais. A reclamação: Iluminação pública do Parque (localizado no encontro da rua Tapir com rua Generoso Marquês, bairro Jardim Primavera). O mesmo bosque já foi muito bonito e receptivo com os moradores da região, mas ultimamente anda “largado as traças”, ponto de encontro de muitos usuários de drogas; traficantes; criminosos em geral; sendo até um local utilizado de “esconderijo” de produtos furtados em nossa cidade. Sou morador da rua Generoso Marques, moro em frente ao bosque e já manifestei minha preocupação em relação a iluminação, com a prefeitura, por contato telefônico com o setor responsável, com o próprio responsável, por e-mail no portal do Fala Cidadão (duas vezes diga-se de passagem, no qual a primeira vez foi-me respondido com “sua mensagem será encaminhada para o setor responsável”, e na segunda vez não obtive nenhuma resposta sequer). “Os moradores da região estão preocupados e com medo de passar pelo bosque à noite, eles têm medo de sair das casas com os carros devido, medo de chegar em casa, pois o bosque vive em escuridão total .Rodrigo José Correia (PSC) pediu a manutenção e troca de lâmpadas na extensão do Trevo da Taísa até o Viaduto do Patinho. Justifica o pedido uma vez que, em toda essa extensão existem várias lâmpadas queimadas, trazendo inúmeros transtornos para a população, pois com a falta de iluminação, os munícipes não conseguem se locomover com segurança adequada, ficando assim expostos a diversos perigos.Vilmar Maccari (PDT) reivindicou a sinalização horizontal (PARE) na rua Vieira da Costa esquina com a rua Amapá, bairro Pinheirinho. Por se tratar de uma questão de segurança, ele pediu urgência no atendimento.