Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Ubiracy José Tesserolli

Rio Chopim vai assegurar no futuro o fornecimento de água em Pato Branco

Para falar sobre a falta de água e a previsão de investimentos pela  Sanepar, compareceu, na segunda-feira (09) no Legislativo o gerente geral do Oeste da Sanepar, Renato Mayer Bueno, uma iniciativa conjunta do presidente Joecir Bernardi (SD)  e demais vereadores.

Em entrevista à imprensa, Renato disse que a companhia há bastante vem registrando um crescimento da população e a capacidade de produção sem alterações. Com isso, ficou contado risco, principalmente quando a temperatura é elevada.  Pato Branco consome mais de 16 milhões de litros por dia. Até 2030, o consumo estimado é de 24 milhões de litros por dia.

Em Pato Branco, ocorreu um problema com a floração de alga no rio Pato Branco, essa floração de alga obrigou a Sanepar realizar o descarte de água tratada para poder manter a qualidade que é entregue à comunidade, o que provocou desabastecimento em função dos níveis dos reservatórios, aliado ao calor e de energia elétrica trouxeram problemas no conjunto desabastecimento.

Renato comentou que a capacidade de produção está no limite e diante dessa carência está sendo programado um investimento que vai aumentar a entrega de água de 160  litros por segundo para 260 litros até final de abril de 2019. Esse é um ponto futuro, de longo prazo. Em curto prazo, segundo Renato,  diante da situação registrada no ano passado, foi elevada  licitação  a capacidade dos reservatórios.

Um reservatório tem a capacidade de produção de 2 mil metros cúbicos para atender a região do bairro São Francisco,  um reservatório para atender a região da Fadep, e mais  um para atender os bairros Planalto e Gralha Azul. “Com esses reservatórios nos temos condições de manter o equilíbrio da produção, principalmente em horários de pico”, ressaltou Renato, e aliado a isso mais uma estação de tratamento no Córrego Fundo, embora  com evasão baixa.

Os novos reservatórios já foram adquiridos pela Sanepar, adianta  Renato,  e a empresa vencedora da licitação já assinou os contratos. O sistema dos reservatórios é com aço petrificado e é fornecida por uma empresa dos Estados Unidos, ela é quem vai instalar os reservatórios.  Os investimentos em curto prazo são de aproximadamente R$ 6 milhões, e em longo prazo de R$ 32 milhões.

Futuro

Para garantir o fornecimento de água nos próximos anos, a Sanepar está iniciando estudos para investir no rio Chopim.  Em relação à qualidade da água, ele disse que é boa, inclusive quando vem à cidade de Pato Branco toma muito chimarrão, bem como toma água da Sanepar.