Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Ubiracy José Tesserolli

Secretária enumera ações que integram o Programa Cidade Amiga do Idoso

A secretária municipal de Assistência Social,  Ane Cristine Gomes da Silva, participou na última segunda-feira, dia 15, a convite do vereador Rodrigo José Correia (PSC) da sessão deliberativa do Legislativo. A secretária apresentou as ações que estão em andamento e inseridas no Programa Cidade Amiga do Idoso.

Ela disse que, Pato Branco é o terceiro município do Brasil e o primeiro no Paraná a receber a certificação, processada  no dia 19 de junho de 2018. O título de Programa Cidade e Comunidades Amigáveis com a Pessoa Idosa, foi conferido pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O programa promove projetos sociais e educacionais, a comunicação e informação, busca a melhoria da mobilidade urbana, fomenta a criação de espaços públicos,  habitação e serviços comunitários e de saúde. Além disso, destaca a importância do respeito e a inclusão social, emprego e renda.

Segundo o Censo de 2010, o município tem mais de 7.186 idosos. Dois mil duzentos e cinquenta idosos estão cadastrados no CadÚnico, destes 1.503 idosos possuem algum benefício do INSS. Pelos dados da Secretaria de Assistência Social, 675 idosos recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Por intermédio de legislação, o programa conta com o Fundo dos Direitos  dos Idosos  de Pato Branco. O fundo recebe doações que podem ser deduzidas no Imposto de Renda (IR). Também está em funcionamento o Comitê  Gestor do Programa Cidade e Comunidades Amigáveis com a Pessoa Idosa.  Tramita no Legislativo um projeto de lei que estabelece o mês de novembro para a destinação do Imposto de Renda (IR) às entidades assistências.