Notícias

Pato Branco, PR °min °max

Autor: Admin

Vereador defende ações de inclusão da juventude e é contra a criminalização

A discussão que envolve a construção de uma pista de skate no bairro Planalto, foi um dos assuntos comentados na sessão de quarta-feira (6) no Legislativo. O vereador Raffael Cantu (PC do B) relatou que esteve no bairro e participou de encontro com moradores. Para ele, a construção é ponto pacifico, o espaço é importante, a exemplo de alguns moradores que também destacaram a necessidade do benefício. Outros se posicionam contra a construção. Cantu explicou que respeita a opinião das pessoas, inclusive uma senhora falou que skate é coisa de vagabundos, que o local passaria a ser um ponto de tráfico de drogas.“Eu tenho lutado há muitos anos em prol da juventude”, ressaltou o vereador, e uma das principais bandeiras, a questão central da nossa luta é em direção ao enfrentamento da criminalização da juventude, algo grave em nosso país. O jovem da periferia é sempre tratado como criminoso, bandido e traficante. Para o vereador, esse discurso é inaceitável, é lógico que uma pessoa idosa tem algumas convicções ultrapassadas, dificuldades em compreender o contexto, mas mesmo assim é um discurso recorrente na sociedade, enquanto militante de juventude não posso deixar de comentar algumas questões.A marginalização do skate e de tantas outras que envolvem o jovem é algo que reflete que a sociedade ainda na conseguiu entender a juventude, um grupo social que carece de politicas públicas especificas, pois, a seu ver, para o jovem não cabe à política universal. “O jovem deve ser compreendido como um indivíduo merecedor dos seus direitos”, afirmou Cantu, ao salientar que o jovem é protagonista do desenvolvimento da sociedade.